Ipiranga recebe espetáculo que presta homenagem ao vizinho Bom Retiro

Dialogando com o público de bairros, associações, sindicatos e escolas, o Teatro Popular União e Olho Vivo – conhecido como TUOV – trará ao Ipiranga o espetáculo gratuito “Bom Retiro Meu Amor – Ópera Samba“, que por meio da teatro musical presta uma homenagem ao Bom Retiro, reduto de imigrantes e culturas diversas.

Com apoio da 13ª Edição do Prêmio Zé Renato, o grupo se apresenta no dia 30 de outubro de 2022 (domingo), às 19h, com entrada franca, na Casa de Teatro Maria José de Carvalho, sede da Companhia de Teatro Heliópolis, que fica na Rua Silva Bueno – Ipiranga.

Foto: Graciela Rodriguez

Fruto de uma ampla pesquisa coletiva sobre o Bom Retiro, bairro que acolhe o TUOV há mais de 40 anos, o espetáculo “Bom Retiro Meu Amor – Ópera Samba” homenageia este território tradicionalmente fabril que, em razão da imigração vinda de diversos países, abarca uma imensa diversidade cultural. 

A dramaturgia do espetáculo é resultado de uma imersão na história e nas sutilezas do cotidiano do Bom Retiro, que serviram de base para ciclos de conversas, oficinas e reflexões envolvendo o público, trabalhadores, moradores do bairro, estudantes, pessoas desempregadas, pessoas comuns e artistas. 

“O Bom Retiro recebeu levas de refugiados políticos e sociais desde a sua fundação. Por ali passaram italianos, judeus, coreanos, bolivianos e paraguaios. O espetáculo aborda acontecimentos que ocorreram durante a sua existência e resistência, como a fundação do Sport Clube Corinthians Paulista e o trabalho escravo nas “Oficinas de Suor”, explica César Vieira (Idibal Pivetta), coordenador geral do grupo.  

O incêndio ocorrido na Estação da Luz, dois dias antes do término da concessão para a companhia inglesa São Paulo Railway, em 1946; as mulheres em situação de prostituição na Rua Aimorés (século passado) e agora no Parque da Luz, o trabalho análogo à escravidão, são temas que fomentaram a criação das cenas. 

“Com essa circulação buscamos dividir com pessoas dos quatro cantos da cidade nossa história sobre o bairro que nos abriga e que marca por diversos momentos a formação da cidade, levantando vozes marginalizadas e passando por lugares históricos que permeiam nosso imaginário social”, comenta Vieira. 

Sobre o TUOV – Teatro Popular União e Olho Vivo

Segundo Augusto Boal, o TUOV é um dos mais importantes coletivos de teatro popular das Américas e do mundo. O grupo que já foi visto por mais de 4 milhões de pessoas, surgiu em 1966 e no auge de seus 56 anos, possui em sua formação membros presentes desde a fundação, como Neriney Moreira e Idibal Pivetta, nome verdadeiro de César Vieira que também é advogado e exerceu intensa militância no período da ditadura, engajando-se pela liberdade de perseguidos políticos e pela memória de desaparecidos do regime militar. Uma luta que confunde-se com a própria existência e trajetória do TUOV.

Reconhecido nacional e internacionalmente, o grupo sempre se apresentou gratuitamente em bairros de São Paulo e percorreu mais de 20 países na América, Europa e África, recebendo prêmios como: Ollantay (Venezuela), Casa das Américas (Cuba), Festival Mundial de Teatro (Egito), Festival Internacional de Teatro (França), OAB do Brasil, Shell do Brasil e dezenas de outros. Uma carreira internacional que vai desde os esforços pela interligação latino-americana de grupos teatrais até a repercussão de suas obras em países como França, Itália, Polônia, Portugal, Peru, Bolívia, Egito, Panamá, Nicarágua e Angola.

O projeto “Bom Retiro Meu Amor – Ópera Samba | Circulação” foi contemplado na 13ª Edição do Prêmio Zé Renato de apoio à produção e desenvolvimento da atividade teatral para a cidade de São Paulo.

Informações: www.facebook.com/tuovivo e www.instagram.com/teatropopularuniaoeolhovivo

Ficha Técnica: Coordenação Geral do Projeto: César Vieira, Graciela Rodriguez e Neriney Moreira | Dramaturgia: César Vieira, Mei Hua Soares, Rogerio Guarapiran | Direção Geral: César Vieira | Co-Direção: Rogério Tarifa | Assistente de Direção: Rodrigo Ramos | Cenografia e Figurino: Graciela Rodriguez | Assistência de Cenografia e Figurino: Lívia Loureiro | Cenotécnico: Andreas Guimarães | Direção Musical: Cesinha Pivetta e Rogerio Guarapiran | Elenco: Angelita Alves, Danila Gonçalves, Leandro Soussa, Lívia Loureiro, Lucas Cruz, Mei Hua Soares, Neriney Moreira, Oswaldo Ribeiro, Thauana Renardi | Artistas da 1ª montagem: Ana Elisa Ferreira, Dante Kanenas, Juma Tanaka, Flávia Sztutman, Rogério Guarapiran | Músicos: Bárbara Pacini, Cesinha Pivetta, Pedro Fraga | Direção de Movimento e Preparação Corporal: Marilda Alface | Produção Geral do Projeto: Alessandra Queiroz e Flávia Ulhôa |Registro Audiovisual: Renan Rovida (direção, roteiro e montagem) | Registro Fotográfico: Chris Ameln e Graciela Rodriguez | Assistência de Produção: Tuana Freitas, Marleide Alves de Lima Sousa e Juliane Barreto | Assistência Técnica geral e de Palco: Edson Rocha e Marleide Alves de Lima Sousa | Costureira: Lili Santa Rosa | Iluminação e Operação de Luz: Gil Teixeira e Benê Teixeira | Design Gráfico: Marina Dahmer | Assessoria de Imprensa: Luciana Gandelini | Colaboração na Pesquisa: Luiz Alberto Barreto Leite Sanz e Walter Quaglia

Foto: Graciela Rodriguez

Vai lá!

Bom Retiro Meu Amor – Ópera Samba”, com Teatro Popular União e Olho Vivo

Classificação Livre – Grátis

Quando: 30 de outubro de 2022 (domingo) – Horário: 19h 

Onde: Casa de Teatro Maria José de Carvalho – Sede da Companhia de Teatro Heliópolis – Endereço: R. Silva Bueno – Ipiranga, Zona Sul, São Paulo – SP

Written by

Ipiranga Feelings

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CPI da Enel quer relatos da população Caravana de Natal da Coca-Cola começa em SCS Conheça o Coworking público do Ipiranga Virada Esportiva no Ipiranga acontece dias 28 e 29 de outubro
CPI da Enel quer relatos da população Caravana de Natal da Coca-Cola começa em SCS Conheça o Coworking público do Ipiranga Virada Esportiva no Ipiranga acontece dias 28 e 29 de outubro