Projeto solidário espalha frases positivas nas ruas do Ipiranga e SP

Quem anda atento pelas ruas do Ipiranga e de São Paulo pode ter notado frases criativas positivas pintadas no asfalto. O projeto solidário Ruas do Bem faz uso da intervenção urbana para não apenas conscientizar e acalmar corações, como também arrecadar doações para famílias em situação de vulnerabilidade social.

Em tempos de pandemia, muita gente vem sofrendo com as distâncias e as perdas, em variáveis níveis. Com a intensa negação dos fatos e falta de responsabilidade de figuras influentes no país, o produtor gráfico Victor Ghiraldini e o publicitário Marcelo Nogueira se uniram para criar meios de alerta em vias públicas.

O coletivo conta com fotógrafos, designers e artistas que juntos colocam em prática a iniciativa com toques de otimismo e orientação.

Foto: divulgação/Erick Matsuzawa

 

A ação começou na região central a partir de abril e foi planejada para ter visibilidade a partir dos edifícios, sem que as pessoas precisassem sair de suas casas para vê-las. As mensagens enfatizavam a importância do isolamento social para conter a disseminação da Covid-19.

As frases de até 15 metros são feitas com stencil e tinta à base de água, sendo eliminada com a chuva, sem causar nenhum dano ou custo ao patrimônio público. Os registros em fotografia por drone e câmera comum são postadas no Instagram para ter um alcance ainda maior.

“cada rua vazia é uma multidão contra o vírus”

A medida em que a pandemia avançou, a incerteza sobre o futuro foi transformada em novas frases, disseminadas para outras zonas da capital, chegando ao Tatuapé, Itaquaquecetuba e na Estação Presidente Altino, em Osasco.

Com a retomada de atividades e maior circulação de pessoas nas ruas, as mensagens passaram a incentivar o uso de máscaras de proteção: seu sorriso continua lindo embaixo da máscara. Neste caso, foram estrategicamente posicionadas nas proximidades de estações de trem e metrô.

No Ipiranga, o grupo criou uma frase que dialoga com a história do Brasil Império. Fazendo alusão ao fatídico Dia do Fico, em que D. Pedro I anuncia que não retornaria à Lisboa, em 1822, o Ruas do Bem estampou a Rua dos Patriotas, próximo à entrada do Museu do Ipiranga, os dizeres:

“Pelo bem de todos e felicidade geral da nação: #fiqueemcasa”

Foto: divulgação/Otavio Lima

Doação de cestas básicas

Em uma nova etapa, o Ruas do Bem passou também a ajudar a levar cestas básicas para a população mais atingida pelas consequências da doença. Pelo portal do projeto podem ser feitas doações a partir de R$ 20,00, que sempre incluem uma lembrancinha enviada pelo coletivo.

Todos os valores doados são revertidos em cestas básicas que são encaminhadas para diversos bairros e comunidades vulneráveis da periferia de São Paulo, através de projetos como o Feito Formiguinhas, que atende famílias na cidade de São Paulo e Região Metropolitana, e também o coletivo Arte e Cultura na Kebrada, da Zona Leste da cidade.

Com ações comunitárias que prezam pela segurança, empatia e afeto ao próximo, fica uma certeza: “a cidade não está vazia. Está cheia de amor ao próximo.”

Foto: divulgação/Erick Matsuzawa

 

Foto: divulgação/Otavio Lima

Gostou? Conta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s