Museu do Ipiranga cria vídeos e observatório das obras no edifício

Com os portões do Museu do Ipiranga atualmente fechados, fica difícil imaginar o que está acontecendo em relação às obras de restauro e modernização do edifício, previstas para acabarem apenas em 2022. Mas com uma série de vídeos e um observatório que será aberto ao público neste ano, vai ficar mais fácil dar aquela espiada!

Fechado desde 2013, um dos principais museus do Brasil, localizado no bairro Ipiranga (SP), finalmente se transformou num canteiro de obras em meados de dezembro de 2019. Algumas adaptações de acesso ao público nos entornos do edifício foram feitas, como a criação de uma nova entrada na Av. Nazaré, que cai diretamente na trilha de cooper e caminhada.

Com a pandemia do coronavírus (Covid-19) isolando socialmente a cidade a partir de março de 2020, o Museu do Ipiranga e o Parque da Independência foram novamente fechados, impedindo a visitação do público. Porém, as obras continuam à todo vapor, mantendo os planos de reabertura do edifício reformado e ampliado em 7 de setembro de 2022, quando se celebrará o bicentenário da Independência.

A obra terá investimento aproximado de R$ 139,5 milhões, custeado por parcerias entre Poder Público e empresas privadas.

Foto: José Rosael/Museu Paulista
Foto: José Rosael/Museu Paulista

observatório no museu do ipiranga

Depois de tantos anos longe da instituição cultural, o público poderá conferir o andamento das obras por meio do Observatório da Obra, um pavilhão de conteiner com dois andares, erguido na lateral do jardim, onde ficam as jaqueiras.

O mirante de 60m² irá mostrar o canteiro de obras, tanto em frente à fachada quanto na parte inferior, onde serão cavadas duas novas entradas para o museu. A previsão de abertura do observatório é outubro de 2020, com horário das 8h às 18h, todos os dias.

Além de servir como mirante, o local terá exposições e vídeos dedicados ao processo de reforma e suas atualizações. Também está nos planos do educativo do museu oferecer palestras gratuitas de especialistas em arqueologia, patrimônio, engenharia e restauração.

Toda a programação contará com recursos de acessibilidade, como legendas em Braile, libras e audiodescrição.

Foto: Leonardo Giantomasi/Museu Paulista

obras no museu em vídeo

Para acompanhar tudo à distância e de forma mais detalhada, as pessoas também podem recorrer à série de vídeos “Diário da Obra“, elaborada pela equipe da Universidade de São Paulo (USP), administradora do Museu do Ipiranga desde 1963.

Grande parte do acervo de 450 mil itens foram realocadas em imóveis da região, mas algumas peças não puderam ser removidas. As imagens apresentam, por exemplo, a restauração da enorme e icônica pintura Independência ou Morte, de Pedro Américo, que se mantém no salão nobre, com proteção especial para não ser danificada.

Foto: José Rosael/Museu Paulista
Foto: José Rosael/Museu Paulista

Neste ano foram iniciadas as ações de restauro das fachadas, com execução de moldes de ornamentos perdidos e montagem dos andaimes na fachada sul do prédio. Na área a ser ampliada, foi concluído o micro estaqueamento, com contenção do terreno e grampeamento do solo.

Internamente, no edifício histórico, também houve avanços significativos com concretagem dos pisos do porão, restauro de esquadrias, remoção de forros e piso de madeira, início das atividades de instalações elétricas e execução das fundações para instalação dos elevadores.

Outras cenas da série mostram as etapas o desmonte da escadaria principal e a retirada do asfalto em frente ao edifício, que será substituído por um mosaico português. As árvores em frente também foram removidas e realocadas. O novo projeto prevê que mais de 70 delas passem pelo mesmo procedimento.

Foto: José Rosael/Museu Paulista

Dada a complexidade e idade do monumento arquitetônico, inaugurado em 1895, o processo de restauração não é nada simples. Até mesmo a argamassa e a tinta a ser utilizada precisa se assemelhar às da época da construção, havendo a necessidade de buscar por processos químicos semelhantes.

Segundo comunicado do Museu, os trabalhadores foram reorganizados, com escalonamento das equipes e acompanhamento de saúde diariamente. Grupos de risco são afastados.

Foto: José Rosael/Museu Paulista
Foto: José Rosael/Museu Paulista
  • Abaixo você pode assistir aos dois primeiros episódios.

Episódio 1:

Episódio 2:

como ficará o museu do ipiranga após a reforma?

O escritório de arquitetura responsável pelo projeto é a H+F Arquitetos, de Pablo Hereñú e Eduardo Ferroni, que venceu em primeiro lugar o concurso público promovido pelo Museu do Ipiranga.

A ideia central é intervir minimamente na estrutura original, ao mesmo tempo em que se façam as adaptações técnicas necessárias, como a incorporação de acessibilidade, elevadores e escadas rolantes. Com espaço disponível para ampliação, que seria no subsolo do edifício histórico, houve a implementação de novas áreas ao projeto original.

Foto: divulgação/H+F Arquitetos

Nos 6.800 m² haverá um saguão com cafeteria, loja, bilheteria e acolhimento aos visitantes, além de auditório, sala de exposições temporárias, salas para atendimento do programa educativo. Entre os destaques também estão um mirante ao ar livre na cobertura do prédio, que descortina a vista para a topografia do Ipiranga, e um restaurante/bar a ser incorporado na mesma ala.

A partir de 2022, o Museu do Ipiranga será de uso exclusivo do público, com o setor administrativo funcionando numa casa próxima. O intuito é futuramente, ter um prédio na região construído exclusivamente para sediar acervo, salas de restauro, biblioteca e toda a equipe da USP no mesmo local.

Na galeria abaixo você confere algumas fotos das projeções para 2022. Clique para ampliá-las.

O parque da Independência também está passando por uma ampliação. Saiba mais na matéria publicada pelo Ipiranga Feelings.

2 comentários

Gostou? Conta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s