Jantar secreto no Ipiranga é opção diferente para comer bem

Às vezes a gente quer se alimentar com algo que vai além da comida. Proporcionando uma experiência diferente, O Bastardo promove um jantar secreto no Ipiranga, daqueles que só quem conhece mesmo são “poucos e bons”. Pelo menos por enquanto!

Intimista e exclusivo, o jantar fechado segue a premissa de acontecer apenas esporadicamente, sem alardes. O endereço, que não iremos revelar também, é divulgado apenas após a confirmação do participante.

Mantendo um perfil bem descontraído, o espaço é acolhedor e pitoresco. Paredes foram derrubadas para dar lugar a mesas grandes, entre colunas de tijolinhos à vista. Numa pequena área, mais afastada, está a churrasqueira que prepara a especialidade da casa: assados na brasa.

O local comporta até 40 pessoas. No dia que o Ipiranga Feelings esteve por lá, vimos pessoas diversas, desde famílias até casais de todas as idades. Os anfitriões e responsáveis pela empreitada são os mesmos do Restaurante 21, um boteco bem boêmio aqui da região, que serve pratos feitos caprichados. A equipe de lá é a mesma que serve no jantar, mantendo a tradição, algo a ser respeitado. As pessoas são atenciosas e gentis.

O menu servido é de três tempos, ou seja, tem entrada, prato principal e sobremesa. Bebidas são pagas a parte. O vinho é oferecido em garrafa (R$ 50), mas também há a opção em taça (R$ 12).

Para começar, vieram linguiças artesanais e bruschettas, de queijo brie e morcilla, uma linguiça bem escura, tipicamente Argentina, feita de sangue animal fresco. Torci o nariz! Mas me entrego às experiências e resolvi provar. Por incrível que pareça, foi aprovada! Tinha um sabor leve e que lembrava azeitonas pretas. Realmente me surpreendeu.

Tiras de carne de porco entram como petisco do jantar secreto no Ipiranga

As entradas não paravam de chegar, então foi preciso, em certo ponto, avisar o que já tinha vindo, senão ficaríamos satisfeitos logo na primeira rodada. Foi bom ter feito isso, porque logo depois veio um pedaço bem alto de bife ancho, acompanhado de batata doce recheada, também feita na brasa.

A carne pode vir ao ponto ou mal passada. Bem passada não é nem opção entre os parrilleros de mão cheia. Acredito que ao ponto é o ideal, pois já veio com o meio bem avermelhado. Para os vegans, que devem avisar previamente sua opção, tomates, abobrinha, cogumelos e outros tipos de vegetais são igualmente assados até ficarem suculentos.

A carne é BEM vermelha se você pede “ao ponto”.

Todo esse banquete d’O Bastardo é finalizado com outra lembrança dos hermanos: panqueca com doce de leite e sorvete. Na falta delas, é servido banana assada com canela e mel, acompanhada de sorvete de creme.

Vale cada mordida! É um passeio gostoso, sem frescura e para fugir da rotina.

O jantar secreto no Ipiranga acontece das 19h às 22h, em datas específicas. O valor é R$ 100 por pessoa. Quer saber quando é o próximo? Só perguntando pra eles mesmo: +55 11 96841-2121

2 comentários

  1. Rosaly Pizzini

    Sou professora e adorei saber sobre cursos gratuitos. Tenho alguns alunos com potencial e mesmo com habilidades para desenhos e atividd como ginástica solo,rítmica e musicais.
    Não tinha referência destes cursos aqui no NOSSO bairro .
    Adorei e agradeço mto …pois são crianças carentes e precisam de orientação para futuro.
    Obrigado,aguardo com coraça

    Curtido por 1 pessoa

Gostou? Conta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s